• Vida real

    As tralhas se escondem

    Para onde as tralhas vão quando não estamos olhando? Essa é fácil de responder: para dentro do armário! Vocês já estão cansados de ver as minhas bagunças por aqui. Bem, nos últimos meses acabou que eu mal consegui cuidar de mim, que dirá das tralhas que eu separei para mandar embora. Então tudo se acumulou dentro do guarda roupas, como vocês podem ver na foto acima. Bom, continuando o assunto do post de ontem, na série das coisas engraçadas que aconteceram no último mês e que me deram aquele empurrãozinho na direção do minimalismo, minha mãe comprou uns cubos aramados que cairam como uma luva para organizar meu guarda roupas…

  • Vida real

    Avançando no minimalismo

    Nesse último mês aconteceu um fenômeno engraçado: algumas coisas que eu vinha querendo me desapegar já há algum tempo acabaram encontrando seu caminho para fora da minha vida. Por exemplo, consegui vender um secador de cabelos da época do trabalho no salão de cabeleireiros para uma colega da faculdade e troquei minha cama. Essa história da minha cama foi até surpreendente, pois estava querendo manda-la embora mas não sabia como fazer isso pois foi um presente que eu ganhei dos meus pais, além de ser um móvel caro. Para quem não se lembra, minha cama era um baú! Vivia abarrotada de coisas, mas com todos os destralhes acabou ficando vazia……

  • Beleza

    Inventário de Maquiagem

    Alguns de vocês sabem que eu trabalhei como maquiadora profissional há alguns anos atrás. Desde então já reduzi significativamente minha coleção (por falta de palavra melhor) de produtos e inclusive vendi minha maleta profissional para uma amiga. Ainda assim, eu gostaria de reduzir ainda mais minha coleção. Penso que, sendo uma apaixonada por cores e por experimentar produtos novos, se eu tiver menos produtos poderei continuar seguindo o que eu amo: comprar e conhecer o que está aí para isso. Por exemplo, eu tenho apenas uma máscara de cílios. Por usar apenas uma, posso comprar produtos um pouco mais caros, pois sei que usarei eles ao máximo! Não acho necessariamente…